Brinquedo não tem gênero: boneca e carrinho podem divertir meninos ou meninas

8 maio

Passamos por um restaurante de beira de estrada, e minha menina, então aos 3 anos, se apaixonou por um caminhão, daqueles bem grandes. Grande o suficiente para ela caber dentro dele”, contbrinquedo2a Quézia Bombonatto, presidente da Associação Brasileira de Psicopedagogia. A mãe não teve dúvida. Incluiu o caminhão entre os brinquedos da garota –um dos prediletos dela e do irmão três anos mais velho. “Eles usaram o brinquedo de uma forma muito interessante: ela ficava dentro do caminhãozinho e o irmão a puxava.”

Mas nem todos os pais gostam da ideia de uma filha brincando de caminhão. Ou de um filho brincando de casinha. “Já vi pai impedir o filho de andar de bicicleta porque era rosa”, conta Maria Ângela Barbato, coordenadora do Núcleo de Cultura e Pesquisas do Brincar da PUC-SP. “Mas, para a criança, a bicicleta é apenas uma bicicleta, e tudo o que ela quer é brincar. Quem acha que é para menino ou para menina é o adulto.”

Leia o artigo….

http://mulher.uol.com.br/gravidez-e-filhos/noticias/redacao/2012/08/30/brinquedo-nao-tem-genero-boneca-e-carrinho-podem-divertir-meninos-ou-meninas.htm

8 Respostas to “Brinquedo não tem gênero: boneca e carrinho podem divertir meninos ou meninas”

  1. Emmanoel maio 9, 2013 às 3:47 pm #

    Infelizmente muitas pessoas criam conceitos sobre algo, estabelece preconceitos e formam opiniões que passam de gerações e gerações.

  2. Danielle Karine maio 9, 2013 às 10:13 pm #

    Realmete o fato de um menino gostar de uma boneca o menina de carrinho não interfere no futuro da criança, na verdade esta é a fase de exprimentos ela quer se aventurar e tem uma curiosidade aguçada .Este é grande passo para o alcance do desenvolvimento e autonomia destes pequenos,o preconceito está na empregnado na cabeça dos adultos.

  3. Nayara Caroline maio 9, 2013 às 11:08 pm #

    Infelizmente ainda estamos cercados por preconceitos, até quando vamos cortar as asas de nossas crianças proibindo-as de acreditar e de experimentar coisas novas???
    Com as mudanças repentinas do mundo, devemos abrir nossas mentes e acreditar na quebra de paradigmas, para melhor absolver essas mudanças.

  4. Jéssica maio 9, 2013 às 11:30 pm #

    As vezes o machismo, ou o feminismo impedem as crianças de serem “felizes”, não é por que o menino gosta de boneca e a menina de carrinho que no futuro se tornarão gays. São apenas conceitos que foi que inventou que carrinho é coisa de menino. Brinquedo é coisa de criança e devemos respeitar isso.

  5. Milenna Trindade Leal Sant'Ana maio 10, 2013 às 12:18 am #

    Fizemos um TIG no segundo período, sobre identidade de gênero na infância e foi um estudo maravilhoso. Além das reflexões feitas pelo grupo, vimos a relevância de incerirmos a questão na prática educacional, desde a infância. Apesar do tema ser delicado e provocar muitas dúvidas, vale a pena se interar do assunto!!!

  6. adriana maio 14, 2013 às 12:46 pm #

    brincar de carrinho ou de boneca não determina identidade nem orientação sexual,
    Tudo isso pode ser resolvido nas brincadeiras de casinhas e bonecas. Isso não tem a ver com homossexualidade, mas sim com resolução de desavenças. O inverso serve para as meninas, que precisam algumas vezes de armas e lutas para descarregar sua raiva e agressividade”.
    Estimular as crianças a brincar com vários tipos de brinquedos dá a eles a chance de desenvolver habilidades que vão ser importantes para o futuro, desde a difícil escolha da profissão até aprender a lidar com as pessoas.

  7. edu2401064 maio 14, 2013 às 11:48 pm #

    É uma questão cultural , as menina acabam seguindo o modelo feminino que têm e os meninos se espelham mais nos pais , as mães ao definirem as tarefas domésticas deveriam incluir também os meninos , seria uma forma de evitar esa concepção errônea de que as meninas devem aprender a cuidar da casa e dos filhos e o menino ficar alheio a essas tarefas..

  8. Taísa maio 20, 2013 às 1:46 pm #

    Criança realmente ela quer é brincar, não importa em relação do sexo feminino ou masculino, é bom deixar a criança experimentar algo que ela não conhece,e nem sabe direito o que significa ou seja ela tem a curiosidade e o querer conhecer.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: