Odisseia dos patos de borracha ajuda a estudar as correntes oceânicas

17 mar

Cientistas e e outros estão alerta esperando a chegada às praias britânicas de uma frota de brinquedos flutuantes, de fabrico chinês, que cairam no mar há quinze anos.. Existe um prêmio de 100 dólares para cada patinho encontrado.

Entenda o caso:

1- 1992: 29000 brinquedos caem de um navio chinês.

2- Cerca de 10000 chegam ao Alasca

3 – Outros 19000 dirigem-se para o sul, acabando nas costas da Indonésia, Austrália e América do Sul.

4 –1995: alguns entram em águas do Ártico e movem-se lentamente nas águas congeladas.

5- 2000: brinquedos chegam ao Atlântico Norte

6 – 2003: os brinquedos são avistados nas costas dos EUA e Canadá.

7 – 2007: levados pela corrente quente do Golfo, os brinquedos dirigem-se para as Ilhas Britânicas, após uma viagem de 27 mil Km.

Diário de Notícias , Lisboa 04/03/2011

Anúncios

Nenhuma resposta to “Odisseia dos patos de borracha ajuda a estudar as correntes oceânicas”

  1. Mônica Gonçalves dos Santos março 17, 2011 às 10:02 am #

    Nossa que história!!!
    Abraços, Mônica PDN6

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: